Home»Top 10»10 países mais perigosos do mundo

10 países mais perigosos do mundo

0
Shares
Pinterest Google+

As vezes a nossa vontade de viajar é tanta que a gente acaba esquecendo de pesquisar como anda a situação do país ou lugar em que vamos. Para que isso não aconteça o Institute for Economics and Peace faz uma medição anual da paz e tranquilidade em cada um dos mais de 160 países do mundo.

Nessa medição são levados em conta vários tópicos como números de conflitos internos e externos, relação com países vizinhos, atividades terroristas, números de homicídios e pessoas presas e por ai vai. Essa medição acontece desde 2007, onde a Islândia sempre fica em último lugar na lista, ou seja, país mais seguro do mundo, seguidos pela Dinamarca, Áustria, Nova Zelândia e Suíça. Mas em contrapartida na outra ponta da lista há aqueles lugares que devemos evitar a todo custo, os países mais perigosos do mundo. Confira a lista abaixo:

Coreia do Norte

10 países mais perigosos do mundo (1)
O que dizer de um país como a Coreia do Norte. Ao contrário de outros países perigosos no mundo, o que ameaça o turismo na Coreia do Norte não são os assaltos, criminalidade nas ruas, roubos ou estupros, mas sim a obscuridade do governo com o seu povo e com o mundo também, afinal ficar ameaçando outros países com armas de destruição em massa não é nada bom. A população norte coreana sofre com a fome, terras inférteis, quedas de energia e condições melhores de vida. Apesar de tudo ainda há turismo na Coreia do Norte, todos que entram no país precisam de autorização e são acompanhados por guias do governo 24h por dia.

Paquistão

10 países mais perigosos do mundo (2)
O Paquistão é um país lindo quando diz respeito a belezas naturais. Está ali pertinho da cordilheira dos himalaias e dispõe de paisagens de tirar o folego, mas também é caracterizado por períodos de um forte regime militar. Mesmo com ajuda de fora o país continua a enfrentar problemas, como superpopulação, terrorismo e a pobreza, o Paquistão é um dos países com a maior desigualdade de renda do mundo. De fato o turismo não é muito bem vindo na região.

República Democrática do Congo

10 países mais perigosos do mundo (3)
O país é muito rico em questões naturais, mas sofre com a instabilidade política, corrupção e falta de infra-estrutura que limitam ao extremo o desenvolvimento dele. As guerras civis que começaram em 1996 devastaram o país resultando na morte de mais de 5 milhões de pessoas. Muitas das mortes também foram resultados da malária e desnutrição.

República Centro-Africana

10 países mais perigosos do mundo (4)
O país conseguiu sua independência da França em 1960 e foi governado por uma série de líderes autocráticos até ter sua primeira eleição democrática em 1993. O tempo de paz entretanto durou pouco, em 2004 diversos conflitos atingiram o país. Alguns tratados de paz foram feitos em 2007 e 2011, porém diversos combates entre o governo muçulmano e grupos cristãos levaram a limpeza étnica e religiosa fazendo com que boa parte da população fugisse do país em 2014. Definitivamente não é um bom lugar para passar as férias.

Sudão

10 países mais perigosos do mundo (5)
O Sudão sofre com diversos problemas. A nação tem enfrentado diversas guerras étnicas e escravidão causados pela pobreza extrema. Outro grande problema está na fronteira com o Sudão do Sul que pertencia ao Sudão antigamente. O lugar tem uma grande concentração de petróleo e que é disputado por ambos.

Somália

10 países mais perigosos do mundo (6)
A Somália é um país complicado. Apesar do país possuir algumas praias que chegam a ser paradisíacas é melhor nem colocar os pés lá, se não é capaz de você nunca mais sair. A guerra civil no país começou em 1991 e dura até hoje. Ela tomou grandes proporções após a resistência do regime de Siad Barre na década de 80. Por causa disso várias facções e clãs se uniram ao conflito dominando as cidades, principalmente a capital Mogadíscio, resultando em milhares de mortes. Porém no norte da Somália há uma separação e lá é conhecido como Somaliland, uma área com governo e onde ainda é “seguro”.

Iraque

10 países mais perigosos do mundo (7)
O Iraque vem sofrendo com uma guerra civil há anos. Apesar de ter terminado oficialmente em 2011 as coisas ainda vão muito ruim por lá. Segundo dados da embaixada brasileira no país, o turismo por diversão foi completamente eliminado do país devido as questões de segurança. Atualmente o maior problema do país é o Estado Islâmico aterroriza o lugar.

Sudão do Sul

10 países mais perigosos do mundo (8)
Em 2011 o Sudão do Sul se tornou um estado independente do Sudão e foi ai que a bagunça começou, desde então o país sofre com conflitos étnicos internos entre povos e tribos nômades que são rivais, principalmente na fronteira com o Sudão, lugar que tem uma grande concentração de petróleo. O resultado disso tudo foi e é um grande número de mortes.

Afeganistão

10 países mais perigosos do mundo (9)
A guerra do Afeganistão começou em 2001 após o 11 de Setembro e apesar de terem sidos declarados como encerrados pela OTAN em 2014, alguns conflitos dura até os dias de hoje. O objetivo na época era acabar com a Al-Qaeda tirando o Taliban do poder. Os Estados Unidos, juntamente com outros países atacaram o Afeganistão com o fim de acabar com terrorismo. O Taliban foi vencido e o controle da capital Cabul retomado, mas outras cidades ainda vem sofrendo com ataques da Al-Qaeda. Estima-se que mais de 30 mil pessoas inocentes tenham morrido.

Síria

10 países mais perigosos do mundo (10)
O que torna a Síria o país mais perigoso do mundo com certeza é a guerra civil que destrói o país. O conflito que começou em 2011 com diversos protestos contra o governo do presidente Bashar al-Assad tomou proporções imensas e gradativamente se tornou uma grande rebelião armada e cheia de sangue derramado. A capital Damasco não é um local mais seguro e vem sofrendo com constantes bombardeios. A estimativa de mortes no país já ultrapassaram o número de 200 mil.

Bom, dessa forma já sabemos quais países devemos evitar de visitar, pelo menos por enquanto!

Comente pelo Facebook

comentários

Post anterior

6 destinos Europeus para quem busca aventura

Próximo post

O que comi por ai: Tacacá Paraense