Home»Top 10»10 tipos de viajantes que queremos distância

10 tipos de viajantes que queremos distância

0
Shares
Pinterest Google+

Neste incrível mundo de viagens existem todos os tipos possíveis de viajantes, os bons e os ruins que acabam por nos meter em alguns perrengues. Para te ajudar a fazer uma viagem mais tranquila separei aqui os 10 tipos de viajantes com manias excessivas que você possivelmente vai querer evitar em uma viagem. Vamos as figuras:

O Consumista sacoleiro

Esse é um tipo bem comum. Para ele lugar bom é onde ele pode comprar a maior quantidade de produtos possíveis, dentre roupas, perfumes, acessórios e eletrônicos. O viajante consumista gasta até mesmo o que não pode, pois gastar é questão de honra para ele. No fim das contas ele vai entupir a mala dele e dos seus acompanhantes de bugigangas para depois tentar burlar a Receita Federal e revender no Brasil. Você facilmente encontrará esse viajante em Miami ou em Ciudad del Este.
giphy (1)

O Barraqueiro

Esse aqui é muito comum, principalmente em check-in de aeroporto. Barraco? Já vi tanto barraco em aeroporto. Gente que fura a fila do check-in ou que tem que abrir a bagagem na Receita Federal. “Você sabe com quem você está falando?” é o principal discurso que o barraqueiro costuma dizer antes de começar a baixaria no meio de todos e na maioria das vezes ele mesmo é o culpado. Esse vai brigar no aeroporto, no hostel e provavelmente nos lugares que for visitar. Ah, quando ver um desses saia de perto se não vai sobrar pra você.
giphy (2)

O Cachaceiro

As 8 da manhã ele já vai estar acordado para perguntar que horas vão começar a beber. O viajante cachaceiro escolhe geralmente destinos onde há muita agitação, tudo para ficar doidão 24 horas por dia, 7 dias por semana. Museus e parques nem pensar, de dia bares e a noite festas, assim é o roteiro turístico dele. Alguns já andam com um cooler de bebidas, é quase um distintivo de identificação. Por fim ele vai voltar ao hostel bebadasso para dar trabalho aos funcionários, isso se ele chegar lá. Não se esqueça que com ele você passará muita vergonha, principalmente se não beber. Esses você encontrará facilmente em Spring Braks.
giphy (5)

O Chato reclamão

É um saco estar acompanhado por esse tipo de viajante, dá logo vontade de sair dando uma voadora nele. Vai reclamar da comida, do ônibus que está demorando a passar, do clima, da fila do museu, do restaurante cheio, da fila do aeroporto, do valor do táxi, dos funcionários do hostel, do lugar que está visitando. No fim dá vontade de voltar pro quarto e ficar no facebook, porque esse cara é chato pra cace**.
giphy (3)

O Luxoleiro

Conhecido também como viajante Piña-Colada ele é um mochileiro de luxo. Sim, ele anda de mochila e viaja com pacotes de agências de turismo daqueles em que os horários são todos pré estabelecidos. Ele não fica em albergues e não come em mercados municipais. Acha um absurdo como alguém consegue sobreviver sem ar condicionado no quarto e água quente para o banho. Ônibus? Nem pensar, prefere os locais que possuam aeroportos. Adora uma boa festa para ostentar para os amigos. Resumindo, eles fazem mochilão com o maior conforto possível.
giphy (1)

O Apressado

O dia tem 24 horas, mas ele quer conhecer tudo em apenas 2 horas… parece que você tá viajando com o The Flash. Esse tipo de viajante é clássico, ele acorda cedo e apressa todo mundo pra tomar café e já sair para conhecer algum lugar, no meio do caminho ele desiste e muda o roteiro pois já quer ir para outro lugar, mas antes ele precisa passar em algum em uma lanchonete para comer enquanto compra ingressos para a atração do dia seguinte. Sua viagem será um intenso furacão com esse cara.
giphy

O Medroso desconfiado

Cuidado, mas muito cuidado ao sair com esse tipo de viajante na rua, ele é um verdadeiro cagão. Acha que ao virar a esquina será assaltado, agredido, estuprado, mutilado e morto da forma mais cruel de todas. Desconfia de tudo e de todos, até mesmo de sua própria sombra e o pior é que em muitas vezes ele não sabe disfarçar essa desconfiança gerando uma situação de desconforto para aqueles que estão com ele. Sair para fazer alguma atividade como ir a um parque ou ao museu? Nem adianta, ele vai achar que estão roubando seu dinheiro com valores abusivos. Fazer uma trilha talvez? Não, ele acredita que pode ser picado por uma cobra ou atacado por algum animal selvagem. Fica difícil viajar com alguém assim, se for abordado por algum mendigo então.. prepare-se.
giphy (4)

O Tarado apaixonado

Esse é bem comum, são homens e mulheres que quando viajam encontram outra pessoa, na maioria gringos e acham que vão casar com eles, já imaginando como será a vida à dois. Acontece finais felizes sim, mas em muitos casos as pessoas levam um fora ou caem em um golpe. Os golpes são bem comuns na Itália, pois do mesmo jeito que aqui tem as brasileirinhas lá tem os italianinhos. O cara chega na turista desavisada (e eles são charmosos) que logo se derrete. Papo vai e papo vem e ele chama pra ela pra conhecer a cidade, jantar.. no fim ele embebeda a mulher, bate a carteira dela… Boa noite Cinderela tem no mundo todo e turismo sexual também.
giphy (2)

O Competitivo

Tão chato quanto os anteriores nós temos também o competitivo. Ele é aquele cara que se gaba das viagens que faz e adora cuspir nas viagens dos outros. Para ele viajar deveria estar como uma categoria nas olimpíadas, pois ele trata como uma competição no qual quem viaja mais e da melhor forma está ganhando a medalha de ouro. Nem adianta discutir com esse cara, pois ele vai vomitar para suas opiniões e formas de viajar. Se perceber que alguém é assim já trate de mudar de assunto, se persistir vai ser uma declaração de guerra.
giphy (3)

O Eufórico

Gritando ele fala: “Nooossaaaa, que barato, vou levar 10 desses” ou “Nooossaaaa, que lindo, vamos tirar uma foto agora”. Conhecido também como vergonha alheia por ficar eufórico ao ver qualquer coisa diferente, tudo é novidade para esse tipo de viajante. A todo momento em quer ver algo novo ele vai ter princípios de taquicardia e precisa expressar sua explosão de sentimentos para todos que estão em volta, de que forma? Gritando! Ai de você se não for tirar a foto que ele pediu no exato momento.
giphy (1)

Hehe, bom, foi apenas uma forma descontraída para alertar a você antes de chamar tal pessoa para viajar junto. Afinal, ninguém gosta desses tipos de personalidades. Mas eai, você já viajou com algum desses mala sem alças? Conta ai embaixo nos comentários.

Comente pelo Facebook

comentários

Previous post

O que comi por ai: Arepas Venezuelanas

Next post

A aconchegante e histórica Pirenópolis

34 Comments

  1. 21 de outubro de 2014 at 21:33 — Responder

    kkkkk, muito bom!

  2. 22 de outubro de 2014 at 12:56 — Responder

    Ai, eu ri demais com este post. Já viajei com uma “chata reclamona” e tenho alguns leitores do tipo “medroso”. Como escrevo sobre a Sicília, tem gente que me pergunta se é seguro andar por aqui, porque ainda imaginam que a Sicília é uma Chicago dos anos 20/30, com gangsters metralhando todo mundo rsrs.
    Parabéns pelo blog e pelo modo super descontraído de contar suas aventuras!
    Patricia

    • 22 de outubro de 2014 at 13:55 — Responder

      Obrigado Patrícia! Hehe realmente é complicado viajar com pessoas assim, o medroso é um dos piores! hahah

  3. 22 de outubro de 2014 at 23:05 — Responder

    hahaha muito bom!!! ri muito!!

  4. Lia
    23 de outubro de 2014 at 02:10 — Responder

    Eu sou a eufórica :/
    hahaha

    • 25 de outubro de 2014 at 00:53 — Responder

      Hahah Lia, as vezes eu também fico eufórico ao ver algo.. me controlo!

  5. Sônia
    23 de outubro de 2014 at 15:01 — Responder

    Sim, já viajei ‘Reclamão” até o sol era feio. kkkk

    Sabe o que fiz? deletei, never, never

    • 25 de outubro de 2014 at 00:54 — Responder

      Hehe Sônia, acho que o reclamão é o pior de todos.. haja paciência!

  6. Juliana Moreli
    28 de outubro de 2014 at 17:37 — Responder

    Tem outro tipo também que irrita…o dorminhoco atrasado…tu marca com a pessoa de sair no horário x e ela sempre chega atrasada…tu perde uma porrada de passeio…
    Nunca mais fico á espera dessa galera, vivos ou mortos, eu saio na hora marcada, mesmo que for sozinha…até chegar no ponto de ônibus eu já conheci alguém novo 🙂

    • 28 de outubro de 2014 at 22:20 — Responder

      Verdade Juliana, esqueci desse. Também já passei raiva com gente que fica dormindo e não cumpre o combinado!

  7. Mari
    28 de outubro de 2014 at 23:18 — Responder

    Eu me identifiquei com o “O Luxoleiro”. Que mal tem em querer um pouco de conforto? hahahah

  8. luciana
    29 de outubro de 2014 at 13:18 — Responder

    eu sou eufórica@@@ mas já melhorei muiiiitoooo , quando voce comeca a andar e viajar mais sozinha, voce aprende a se controlar kkkkk, mas já viajei com medroso, competitivo e chato reclação, digo que é um saco kkkk suportar@@ adorei as dicas

    • 31 de outubro de 2014 at 12:12 — Responder

      Haha, também já fui o eufórico Luciana.. hoje me controlo mais!

  9. 31 de outubro de 2014 at 06:03 — Responder

    De todos esses o que mais me irrita é o luxoleiro! haha

    • 31 de outubro de 2014 at 12:11 — Responder

      Haha, ou é viajante de luxo ou é mochileiro.. os dois complica! srsr

  10. Emilene
    5 de novembro de 2014 at 19:38 — Responder

    Ahahahahaha….Verdade tudo isso! Muito bom! O reclamão é chato demais pq n consegue ver os “imprevistos” como uma forma de se divertir. Parabéns pelo post! Abçs

  11. 6 de novembro de 2014 at 09:52 — Responder

    Devo me enquadrar em uma outra categoria, estou fora destes dez MALAS.

  12. Larissa
    9 de novembro de 2014 at 11:32 — Responder

    Desses aí o menos pior de viajar junto é o Euforico, pelo menos ele fica empolgado com qualquer coisinha, acha tudo bonito, diferente. Sua alegria as vezes resulta em uns casos engraçados pra contar depois kkkkk

  13. Roberta
    12 de novembro de 2014 at 10:04 — Responder

    Eu acrescentaria: um(a) desgraçado(a) que não quer que você tire fotos melhores que as dele e te sacaneia tirando sua bateria da tomada no meio da carga. E a caminho de um acampamento sem tomadas

    • 12 de novembro de 2014 at 23:02 — Responder

      Faltou foi um monte Roberta, porque é cada uma que aparece!!

  14. Wilson Miranda
    16 de novembro de 2014 at 20:10 — Responder

    Já viajei com dondoca que quer ficar dormindo até o meio dia, porque a noite quer pegar todos os nativos, e pior acredita em cada fantasia que nem a branca de neve acreditava. Um causo contado pelos nativos vira crença, inclusive a promessa de casamento que lhe fora prometido nas altas horas da noite anterior. rsrsrs.

    • 17 de novembro de 2014 at 00:21 — Responder

      Vixi Wilson, eu devia ter criado o perfil da Dondoca, essa também é muito chata! hahaha

  15. renata
    25 de dezembro de 2014 at 19:58 — Responder

    Eu tenho um amigo que é o que ostenta o passaporte por ter conhecido trocentos mil países, se auto denominar “globe trotter” e o caralho a quatro. Putz, é um saco… não leva em consideração as experiencias de terceiros, sempre vai achar sua experiencia muito mais enriquecedora e de acordo com nativos, claro.

    Eu sou a medrosa, mas como viajei sozinha, acho que um pouco de medo não faz mal a ninguém… te deixa mais esperta e evita situações desagradáveis, como ser assaltada, por exemplo.

    Acho que dá pra ter um pouco de diplomacia. Por exemplo, minha amiga era a dorminhoca e eu sou bem rápida pra me arrumar e tal.. simplesmente disse “então nos encontramos mais tarde, ok?”. E voilá! todos felizes e contentes. rsrsrs

  16. Cristiane
    20 de Fevereiro de 2015 at 11:25 — Responder

    Hehehe… Sempre viajei sozinha! Não tive esses perrengues…rs Mas devo confessar que faço o tipo Eufórica…kkkk Estou namorando as fotos que você tirou no Salar e gritando daqui: Noooossaaa!!! rs

    • 20 de Fevereiro de 2015 at 20:23 — Responder

      Hahaha euforia por fotos, imagine vendo ao vivo Cristiane!! É um ótimo lugar para uma próxima viagem!

  17. […] tenho uma listinha com mais perfis de viajantes loucos. Para ver a lista completa basta acessar o Tô Longe de Casa. Me diz lá nos comentários o que achou! Ahh aproveita também e passa lá pela nossa fanpage no […]

  18. […] tenho uma listinha com mais perfis de viajantes loucos. Para ver a lista completa basta acessar o Tô Longe de Casa. Me diz lá nos comentários o que achou! Ahh aproveita também e passa lá pela nossa fanpage no […]

  19. 31 de julho de 2015 at 07:26 — Responder

    Já viajei com todos estes tipos… E, mais outros DEZ tipos.
    Sou Guia de Turismo!!! Não tem como não conhecer Todos.
    Abs, Bem Legal o post.

  20. Priscila
    1 de agosto de 2015 at 14:00 — Responder

    Eu quase fiz a viagem dos meus sonhos de 1 mês com uma chata reclamona/medrosa/luxoleira!!! kkkkkk Mas pensei bem a tempo e consegui me livrar da cilada. Dá pra viajar com gente assim não. rsrsrsr

  21. leu calegari
    1 de agosto de 2015 at 15:33 — Responder

    Eu e meu marido somos o tipo louco por fotos….. tiramos fotos de tudo…. e adoramos!

  22. Fernanda
    3 de agosto de 2015 at 08:59 — Responder

    Você esqueceu do que eu chamo de ‘Facebooker de plantão’ ou de colecionador de likes.
    Aquele cara que não curte a viagem e não presta atenção nas coisas porque o que ele quer mesmo é ficar postando foto e fazendo check in até em banheiro público só pra ver quantas pessoas dão Like. Muitas vezes na rua ele te faz ficar esperando parado porque o sinal está ruim e o Check in tem que ser feito pelo GPS do celular. Não pode digitar onde está, tem que ser feito com o GPS entende? Assim sai mais correto. Esperar para postar as coisas só quando tiver WiFi? Nem pensar. Esse tipo vai te deixar louco já no aeroporto porque precisa comprar um chip local e ter 3 ou 4g pra já postar a primeira foto.
    Esse pra mim é difícil de lidar. Perdi meu melhor amigo de muito tempo por brigas que começaram por esse tipo de coisa. Se tem uma coisa que acho intragável é gente escrava da tecnologia e dependente química de redes sociais.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *