Home»Notícias»#Libertem os 30

#Libertem os 30

0
Shares
Pinterest Google+

Primeiramente eu acho que qualquer um apaixonado por viagens deveria apoiar essa causa, afinal temos que preservar o mundo, caso contrário em um futuro não muito distante não haverá mais o que ver nele.

E foi lutando pela proteção ambiental que os 28 ativistas do Greenpeace que fizeram um protesto pacífico contra a exploração de petróleo no Ártico foram presos na Rússia.

Ai você me diz: “Mas em que o Ártico pode influenciar nas minhas futuras viagens e mochilões? Bom, muita coisa. Segundo cientistas, daqui a 30 anos a terra irá perder 3/4 do gelo do Ártico, com o derretimento das calotas polares do diversas espécies de animais vão perder seu habitat natural desequilibrando o nosso ecossistema, sem o gelo branco para refletir a luz do sol o nosso planeta irá aquecer de uma forma extrema podendo prejudicar a fauna e a flora de muitos lugares no mundo, aquecendo as águas e correntes marítimas e provocando um desiquilíbrio na terra. Deu pra ver a bagaça que pode se tornar né? Com um mundo piorado não vai ter muito o que se ver por ai em uma viagem!

Libertem os 30 (1)

Como se não bastasse as causas naturais algumas empresas como Shell, BP, Exxon, Gazprom dentre outras começaram a “Caça ao Petróleo” no Ártico. A queima do combustível fóssil ajuda no degelo e poluição do meio ambiente, além do mais corre o risco de haver um grande vazamento de petróleo no oceano. O petróleo que o local hoje possui pode suprir apenas 3 anos de combustível.

Libertem os 30 (2)

Documentos governamentais dizem que lidar com derramamentos de petróleo em águas geladas é quase impossível e que erros inevitáveis destruiriam o frágil ecossistema Ártico. Para perfurar poços de petróleo no Ártico, as companhias petrolíferas têm de tirar icebergs do caminho de suas plataformas, além de usarem tubos gigantescos com água morna para derreter o gelo flutuante.

Voltando aos ativistas. Eles faziam um protesto pacífico contra a empresa Gazeprom próximo a costa da Rússia mas foram pegos por autoridades russas acusados de pirataria. Dentre as 30 pessoas estão 28 ativistas sendo 1 brasileira, Ana Paula Maciel e 2 jornalistas. O governo Russo já os mantem presos em celas frias por mais de 1 mês e diminuiu a acusação de pirataria para vandalismo.

Libertem os 30 (3)

O pedido de fiança para que pudessem responder em liberdade foi negado pelas autoridades e se condenados eles podem pegar até 7 anos de prisão. O Itamaraty após ficar de braços cruzados entrou no caso porém nada foi decidido ainda, mas você pode ajudar a mudar essa história e libertar os 30.

O Greenpeace está com uma campanha mundial. A campanha é para cada pessoa ligar para a Embaixada Russa do seu país e fazer um pedido ao embaixador, após a ligação há um campo para você escrever qual foi a resposta do embaixador e postar no mural. O Hotsite é bem informativo e dá o telefone das Embaixadas Russas em todos os países. Caso não queira ligar você também pode enviar um e-mail ao embaixador. Para participar acesse o Hotsite aqui.

Libertem os 30 (4)

Ao acabar com a corrida do petróleo do Ártico, criamos condições para uma mudança radical em nossas vidas, acelerando a revolução pelo uso da energia limpa que vai abastecer o futuro dos nossos filhos.

Comente pelo Facebook

comentários

Post anterior

Trevolta - Viagens financiadas

Próximo post

Rapel no Buraco das Araras

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *